Fundos de Ações Long & Short e Long Only: o que são e como funcionam?

Fundos de Ações Long & Short e Long Only: o que são e como funcionam?

Os Fundos de Ações podem ser a escolha de investidores que querem diversificar a carteira de uma maneira simplificada. No entanto, a variedade de fundos é bem grande, e eles geralmente têm características bem específicas. Um exemplo são os Fundos Long and Short, bem como os Long Only.

O interessante é que traduzir esses termos ao pé da letra talvez faça você se confundir. Afinal, o significado deles pode não ser o que parece. Por isso, trouxemos este post para explicar do que se tratam os fundos, como funcionam e quais são suas diferenças.

Continue lendo e entenda o assunto!

O que significam os termos long e short?

Antes de falarmos sobre os Fundos Long and Short e Long Only, vale a pena esclarecer o que tais termos significam. Em alguns contextos, a palavra inglesa long significa longo, e short corresponde a curto.

No entanto, as traduções não dizem muito sobre o que as palavras significam quando se trata de Fundos de Ações. Por isso, entenda cada uma delas a seguir:

Long

No mercado de capitais, long se refere a comprado. O investidor opera comprado quando compra um ativo com o objetivo de vendê-lo em uma ocasião oportuna. 

Na verdade, essa é uma operação tradicional, que você provavelmente já conhece – especialmente se faz investimentos na bolsa de valores.

Short

Quanto ao termo short, significa vendido. Aqui temos um tipo de operação que foge um pouco do tradicional. Suponhamos que você esteja com a impressão de que uma Ação se desvalorizará nos próximos dias.

Antes que o preço caia, você vende certa quantidade do ativo, mesmo sem tê-los. Mas como é possível vender Ações sem tê-las na carteira? O mecanismo que permite essa operação é o aluguel de Ações. Para você fazer a venda, outro investidor aluga as Ações dele para você.

Então, depois de alguns dias, o preço cai conforme você esperava. Chegou a hora de obter o lucro na negociação. Ou seja, realizar a compra das Ações novamente e devolver para o proprietário.

Percebe o que aconteceu? Você comprou barato e vendeu caro, embora isso tenha ocorrido em uma ordem inversa – primeiro a venda, depois a compra. Essa operação vendida é referida pelo termo short.

O que são os Fundos Long and Short

Agora já está claro para você o sentido dos termos long e short. Por isso, é hora de entender o que significa investir em Fundos de Ações Long and Short. Em primeiro lugar, tenha em mente que Long and Short não é o nome de um fundo. 

Na verdade, a expressão se refere à estratégia usada na diversificação dos ativos que o compõem. Um Fundo de Ações aloca seus recursos em papéis de diversas empresas, certo? Cada fundo tem uma estratégia diferente, e alguns fazem operações long and short na mesma proporção.

Isso significa que o gestor do fundo inicia uma posição comprada em um ativo e uma posição vendida em outro. Desse modo, independentemente da bolsa se valorizar ou se desvalorizar, é possível lucrar pela relação entre o comportamento dos ativos.

Inclusive, a estratégia long and short colabora para uma menor volatilidade. Assim, esse tipo de fundo pode ser interessante para quem deseja se expor um pouco menos a esse risco.

O que são os Fundos Long Only

Você acabou de entender o funcionamento dos Fundos Long and Short. Com base no que viu, consegue imaginar o que são os Fundos Long Only?

A palavra inglesa only significa apenas, ou somente. Ou seja, os Fundos de Ações Long Only são aqueles que investem apenas com operações compradas. Nesse caso, o gestor não lança mão de métodos para buscar lucros com a queda da bolsa.

A maior parte da carteira de tais fundos está alocada em Ações, podendo conter outros investimentos também. Quanto à volatilidade, no Fundo Long Only pode haver uma volatilidade maior na comparação com o Long and Short. Afinal, não há um mecanismo específico para lidar com o sobe e desce do mercado.

O que são os Fundos Long Biased

Já que falamos sobre os Fundos Long and Short e Long Only, vale a pena mencionar também os Long Biased. Sabe o que a palavra inglesa “bias” quer dizer? Ela significa viés.

Logo, a estratégia Long Biased é enviesada para operações long. Na prática, significa que, normalmente, o fundo investe apenas por meio de operações compradas. No entanto, às vezes surge a oportunidade ou a necessidade de se fazer operações short. 

Nesses casos, o gestor pode iniciar posições short, embora isso não ocorra todo o tempo. Assim, o nome da estratégia se explica. Ela funciona principalmente com posições long, mas pode iniciar posições short algumas vezes.

Como escolher um fundo

Agora ficou bem claro para você o significado de cada um desses termos em inglês, não é verdade? Mas talvez tenham surgido perguntas em sua mente: “Qual seria o melhor fundo de Ações? O que avaliar antes de investir em um fundo?

O melhor fundo de Ações é aquele que está alinhado com os seus objetivos e o seu perfil de investidor. Os Fundos Long and Short, por exemplo, podem apresentar menor volatilidade. Por isso, podem ser uma boa alternativa para quem tem uma tolerância menor a riscos.

Entretanto, essa característica não faz com que o fundo seja o ideal para quem tem um perfil mais conservador. Afinal, operações de Long and Short envolvem inúmeros riscos inerentes à renda variável. Ao mesmo tempo, quem tolera um nível maior de risco pode se interessar pela estratégia. 

O mesmo princípio vale para os Fundos Long Only e Long Biased. Além do método adotado pelo gestor, não deixe de considerar outras características — como os tipos de ativos, os critérios para tomada de decisão, o histórico do fundo etc.

O papel de uma assessoria de investimentos

Fazer boas escolhas de investimentos para a sua carteira é algo que requer um conhecimento mais aprofundado. Naturalmente, qualquer pessoa pode montar seu próprio portfólio. Mas, sem informação de qualidade, você pode não alcançar o que busca.

Além disso, quando o investidor não é experiente, talvez acabe fazendo escolhas que trazem prejuízo. Por isso, contar com uma assessoria de investimentos pode ser uma boa opção para você investir melhor o seu dinheiro.

Como você viu, os Fundos Long and Short são uma alternativa à qual se pode recorrer para diversificar um portfólio. Afinal, existem diversas opções entre as quais você pode escolher. Apenas lembre-se de considerar seu perfil e seus objetivos para tomar uma boa decisão!

Quer receber ajuda para entender melhor as possibilidades de investimento? Entre em contato com a Zahl Investimentos e receba um atendimento de qualidade!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *