Por que fazer um seguro de vida? Vantagens que você precisa analisar!

Por que fazer um seguro de vida? Vantagens que você precisa analisar!

Muitas pessoas não estão cientes das vantagens de fazer um seguro de vida. No entanto, ele pode ser fundamental para a proteção da família e do patrimônio. Por isso, se você ainda não tem um seguro desse tipo, vale a pena considerar a possibilidade de contratar um.

Nos tópicos a seguir você conhecerá algumas vantagens desse serviço. Será possível ver o quanto ele é importante para o seu planejamento financeiro e a segurança da sua família. 

Continue lendo e entenda os benefícios de ter um seguro de vida!

Protege a família

Um dos benefícios de um seguro pessoal é a proteção financeira que ele oferece à sua família. É fundamental pensar nisso, principalmente, se ela depende de você para se sustentar. 

Assim, caso ocorra algum imprevisto, seus familiares terão os recursos necessários para custear as despesas. Um importante benefício para manter a segurança familiar, não é mesmo?

Protege o patrimônio

Você tem trabalhado para cuidar da sua família e construir um patrimônio? Saiba que um imprevisto pode prejudicar todo esse esforço, demandando altas somas de dinheiro e dilapidando seu capital. Com isso, o patrimônio pode ser consumido rapidamente, impactando a qualidade de vida futura.

Por fazer um seguro de vida, você garante que o seu patrimônio poderá ser mais bem aproveitado. Afinal, a indenização pode servir para o sustento da família diante de urgências. Por ajudar a proteger o patrimônio, o seguro de vida colabora para um bom planejamento financeiro.

Cobre doenças graves

Em alguns casos, você mesmo pode usufruir dos benefícios de um seguro de vida. O motivo disso é que esse seguro cobre não apenas morte, mas também doenças graves e invalidez. Dependendo da gravidade da doença, é possível receber uma porcentagem da indenização.

Há doenças, inclusive, que garantem o recebimento de 100% do valor. Com isso, o segurado tem condições de cuidar da saúde em um momento tão difícil. A partir dos recursos, é possível ter acesso a terapias e medicamentos, entre outras coisas úteis durante o enfrentamento de enfermidades.

Pode permitir resgate em vida

Alguns seguros de vida mesclam a proteção familiar com investimento. À medida que você paga as mensalidades, parte dos valores contribuídos pode ser resgatada depois de algum tempo. Contudo, esse tipo de seguro tem particularidades que devem ser observadas.

Cada um tem uma regra referente ao prazo de carência para resgate e à porcentagem que pode ser resgatada. Por isso, verifique com atenção o regulamento do seguro de vida resgatável. Desse modo, você poderá avaliar se ele é uma boa alternativa para o seu planejamento em relação às finanças.

É isento de ITCMD

Quando se faz um inventário para transmitir os bens de uma pessoa para a família, esta deve arcar com o ITCMD (Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doações). Ele incide na transmissão de bens em caso de doações e partilhas de heranças. 

No entanto, seguros de vida não estão sujeitos a esse imposto. Assim, podem promover economia tributária.

Não entra no inventário

Um processo de inventário para transmissão de bens depois do falecimento pode ser muito longo e trabalhoso. Enquanto ele não é finalizado, a família não tem acesso ao patrimônio do titular, podendo ter dificuldades para se sustentar.

Assim, outro motivo para fazer seguro de vida é que ele não faz parte do inventário. Em caso de morte, basta que os beneficiários entrem em contato com a instituição. Esse processo geralmente leva poucos dias, de modo que a família não fica financeiramente desamparada. 

Por isso, o seguro de vida é considerado um instrumento de planejamento sucessório. Seus entes queridos podem contar com o dinheiro para ajudar enquanto o restante do patrimônio passa pelo inventário.

Qualquer pessoa pode ser beneficiária

Ao fazer um seguro de vida, você pode escolher qualquer pessoa do seu interesse para ser beneficiária. Caso seja preciso trocar os beneficiários, é possível fazer isso de maneira muito simples.

Isso garante que a indenização será paga à pessoa que você escolheu, independentemente do grau de parentesco e do que vier a acontecer no inventário. Esse é mais um motivo que faz do seguro de vida um instrumento de sucessão patrimonial.

É isento de Imposto de Renda

Outra vantagem do seguro de vida é que a indenização não está sujeita ao pagamento de Imposto de Renda. Naturalmente, ela deve ser informada na declaração de IR. No entanto, trata-se de um rendimento isento, o que colabora para a proteção do patrimônio e o amparo financeiro da família.

Quanto aos seguros resgatáveis, parte do valor contribuído fica investido e gera rendimentos. Nesse caso, é importante lembrar que você pagará Imposto de Renda sobre o lucro.

Pode ser personalizado

O seguro de vida pode ser personalizado de acordo com as suas preferências e necessidades. Uma das coberturas que você pode definir é o valor da indenização. Este pode ser maior ou menor dependendo das particularidades da sua família e do custo de vida dela.

Além disso, é possível incluir outras coberturas, como a que garante o custeio de despesas funerárias. Outra possibilidade é a indenização em caso de doenças graves. Há seguros que preveem até mesmo a adaptação do imóvel em caso de invalidez.

As coberturas extras podem incluir também o pagamento de diárias para o titular, caso ele fique hospitalizado. Em alguns seguros, é possível contratar uma cobertura que garante o reembolso de despesas médico-hospitalares. Com isso, há indenizações que podem ser úteis em vida.

Oferece custeio de despesas funerárias

As despesas funerárias podem ser caras. Logo, é importante ter uma cobertura para elas também. Um dos motivos é que pode levar alguns dias até que a família tenha acesso à indenização do seguro, tornando custosa a organização do funeral.

Além disso, o custeio das despesas funerárias colabora para a proteção do patrimônio. Com a cobertura, você evita que parte do seu patrimônio seja consumido por essa despesa. Desse modo, a família terá mais recursos à sua disposição para o futuro.

Tem bom custo-benefício

Quando se considera as vantagens que um seguro de vida oferece, percebe-se que ele tem um bom custo-benefício. Existem muitas alternativas no mercado, assim, é possível encontrar um seguro que atenda às suas necessidades sem impactar o seu orçamento de maneira desproporcional.

Fica claro que fazer um seguro de vida pode gerar uma grande diferença no seu planejamento financeiro, não é? Com ele, é possível ter a tranquilidade de saber que as pessoas que dependem de você não ficarão financeiramente desamparadas.

Quer conhecer mais sobre essa e outras possibilidades de proteger seu patrimônio? Entre em contato conosco!

Young family with their sons at home having fun
Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *